Salve amados caros leitores!

Nesse carnaval fui convidado para assistir o Palco do Rock, que está comemorando 15 anos de realização, e ao meu ver, de desrespeito ao proprio publico, calma, antes de xingarem o perdido, fecharem essa janela e jurar nunca mais ler esse blog, prestem atenção nos motivos e fatos:

Foi a primeira vez na minha vida que vi um grande festival de rock a céu aberto! Não tinha nem uma grade de proteção, nem entrada, nem revista, nem segurança, mal tinha policia, e ainda por cima tinha um conteiner lotado de lixo ao lado do palco, resultado disso: Assaltos dentro do festival, porrada e espancamento gratuito de várias pessoas, pessoas armadas, ameaças de morte, e por que não comentar o caso que ouvi sobre o cara que morreu esfaqueado a 2 anos atras no Palco do Rock, das centenas de pessoas que simplesmente não vão mais porque ja foram assaltadas, espancadas, ou simplesmente estão cansadas de ver a violencia provocada pela falta de cuidado dos organizadores desse evento, que mostraram como se fazer uma péssima distribuição de verba e por em perigo o publico.

Por mais das boas bandas que tocaram (nada contra as bandas, inclusive tudo a favor as bandas!), me senti meio chocado com tudo o que vi, parecia mais um show de axé do que de rock de tanta porrada que vi.

Depois os mesmos organizadores que jogam seu publico a mercer da violencia, dizem por ai que é dificil ter apoio ao rock em Salvador, CLARO! Com organizadores desse tipo quem gosta de apoiar? Melhor deixar a galera em casa do que botar na rua pra apanhar ou morrer.

Espero que a organização do Palco do Rock ponha a mão na cabeça, e comece a valorizar seu publico, comece a cuidar dos filhos do rock, pois para um evento que recebe verba do governo estadual e dos patrocinadores do carnaval de Salvador, não ha desculpas para tamanha falta de vergonha na cara, de deixar todos ao sofrimento e caus urbano.